INSS não pode descontar valores da aposentadoria pagos por ordem judicial; entenda

Hilário Bocchi Junior explica que regra se aplica nos casos em que houve liminar ou antecipação de tutela ao trabalhador.

O INSS não pode descontar do aposentado os valores recebidos por ordem judicial. O juiz, em alguns casos, pode autorizar a antecipação do pagamento da aposentadoria quando se convencer que o trabalhador tem direito ao benefício e que a demora do processo pode prejudicá-lo.

veja também o vídeo no site 

https://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/pode-perguntar/noticia/2018/10/31/inss-nao-pode-descontar-valores-da-aposentadoria-pagos-por-ordem-judicial-entenda.ghtml

informações obtidas no site G1